Monday, August 31, 2009

Vamos ver aonde dá

Folha Online - Informática - Telefônica vende 20 mil assinaturas do Speedy em 5 dias de liberação - 31/08/2009
O presidente da Telefônica, Antonio Carlos Valente, anunciou que a venda de pacotes do serviço de banda larga Speedy chegará a 20 mil até o final desta segunda-feira (31), cinco dias após a liberação das vendas pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações). O comunicado foi feito em entrevista coletiva na tarde de hoje.
Louváveis os esforços, mas eu, quando tinha Speedy, demorava anos-luz para conseguir um atendimento presencial (e não foram poucos... mas passado é passado, ou não). O que vai garantir que todas as 20 mil assinaturas serão instaladas em um prazo adequado? A "ação" contemplou também a contratação de pessoal terceirizado para executar essa avalanche de pedidos? Pelo que eu vi no site, não há nada sobre isso até agora.

Já estou imaginando o sujeito esperando meses para conseguir ter uma DSLzinha rodando em casa. O SUS e o Speedy vão disputar palmo a palmo quem vai promover a maior fila.

Eu juro que torço para ter a língua apagada como um cigarro no cinzeiro, mas não consigo confiar.

Em outra parte da entrevista, se lê:
Líder de reclamações do Procon durante três anos consecutivos, a Telefônica informou que o número de ligações ao call center caiu de 6 milhões em maio para 3,9 milhões em agosto.

Pois bem, 3,9 milhões de qualquer do que quer que seja ainda é bastante. E ainda tem amigo que não conseguiu transferir o pacote de serviços para o prédio ao lado, por indisponibilidade técnica.

E vamos indo, hei de um dia conseguir tentar (sic) consertar.

Tô azedo hoje, né?
O problema nem é meu...
Pois é, é sim.

No comments:

Post a Comment